A Vinhos de Bicicleta nasceu de uma viagem para as bodegas de Mendoza, Argentina, mas poderia ter sido em outra região tradicionalmente vinícola do mundo, afinal todas elas tem um encanto muito peculiar. A experiência mais significativa que tivemos naquele lugar rústico foi, sem dúvida, a visita de bicicleta às vinícolas. O passeio começou de um jeito diferente, era despretensioso. O tempo se transformou em uma medida subjetiva e singela nas ruas de asfalto envelhecido, enquanto folhas caiam de árvores centenárias que quase chegavam a esconder o céu azul.

O circuito escolhido foi de bodegas boutique ou familiares. Em cada uma delas havia uma atmosfera intimista rica em aromas, cores, quadros, videiras, barris e garrafas. A concepção artesanal dos vinhos ali produzidos era admirável, assim como as histórias das famílias que construíram do zero aqueles pequenos lugares mágicos. Apesar dos endereços serem diferentes, os produtores tinham em comum um carinho incondicional quando falavam de seus vinhos.

Depois de algumas taças, enquanto vagávamos, a bicicleta tinha seu papel de transformar o caminho em um momento harmonioso para conversa e reflexão, calhando na ideia da Vinhos de Bicicleta. O que sempre tentaremos trazer para nossos associados e amigos são esses pequenos ensaios de deleite e vinhos especiais, que fazem nosso negócio valer a pena de verdade.

Por Rodrigo Ferraz – Fundador do Clube Vinhos de Bicicleta

 

Acesse o Portal do Vinhos de Bicicleta clicando aqui.

Contato Rápido

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar